terça-feira, junho 16, 2009

1448. Pessoa e Companhia

Não, do molotov e da gelatina não partilharam, nem tampouco lhes passaram pela garganta a mousse de chocolate, o arroz doce, o semi-frio de natas ou a tarte de amêndoa. Nem o pastel de nata. Não lhes demos paio de porco preto ou presunto de barrancos e muito menos o queijo de Serpa. Mas se eu vos disser que comeram sardinha assada, desfiadinha e sem espinhas, frango e entremeada de novilho no churrasco, peitinhos de frango guizados com legumes além de 25 latas de comida e muita ração granulada, vós amigas leitoras e amigos leitores ides pensar que os afilhados de quatro patas e bigodes do Pre, são uns lordes. Ou uns sires! Pois é, a Cristina, a Maria Faladora I e II (pareceu-nos que um deles é um Mário), a Xubertina Antónia e a Xubertina Clara (Clara por parte da mãe), o Garfield, o Mantorras, O Pai-de-Todos, a Katua, o Pessoa e até o Djaló Júnior entre outros, que não tivemos oportunidade de baptizar pois ainda são infantis, os nossos gatos de rua que nos visitam, não tiveram, como aliás normalmente não têm, razão de queixa dos padrinhos. Em cinco dias tiraram as barriguinhas de miséria e acho que neste momento já estão com saudades nossas. Nós temos saudades deles.

PS. Devia ser obrigatório o(s) blog(s) desta senhora ter(em) comentários. Um dia destes ela escreveu “Devia ser obrigatório dormir-se, pelo menos, uma hora e meia depois de almoço”. E eu teria comentado: “Concordo!".

A foto é do Ricardo, meu sobrinho, e retrata o Pessoa. Cliquem para ampliar para poderem apreciar os olhos carinhosos deste bicho.

2 comentários:

Janita disse...

Deixou-me enternecida, este vosso carinho pelos gatinhos.

É por estas e outras que, cada vez mais, eu me sinto orgulhosa de ser sua amiga!

Beijos e abraços.

Constantino, Guardador de Vacas disse...

da mesma ninhada do Pessoa ainda está viva a Cristina, nossa afilhada, claro. Estas férias foi todos os dias visitar-nos e tirar a barriguinha de misérias. É uma alegria vê-los chegar. Dantes reuniam-se uns 14 à nossa volta. Aos poucos foram desaparecendo. Estas férias só apareceram 6 e nunca todos ao mesmo tempo.